Museu do Índio Portal Brasil CGU - Acesso à Informação
Trocar cores de fundo Fundo branco Fundo cinza Fundo marrom Fundo vermelho Fundo amarelo Fundo verde

Museu do Índio

Página Inicial > O Museu > Atividades

Atividades

Coordenação de Patrimônio Cultural

Responsável pela guarda, preservação, consulta, exibição e normatização dos acervos do Museu do Índio. Coordena o tratamento e processamento técnico dos documentos que compõem o material etnográfico, bibliográfico e arquivístico – textual e audiovisual. Desenvolve técnicas de aperfeiçoamento na área dos acervos, bem como do atendimento aos diversos segmentos de público. Fiscaliza e aplica a legislação de direitos autorais para reprodução e divulgação de seus conteúdos.

Coordenação de Administração

Controla, orienta e acompanha as atividades relativas à gestão de recursos orçamentários e financeiros, contratos, licitações, convênios, ajustes e acordos, pessoal, serviços gerais, material e patrimônio, manutenção, logística e eventos no âmbito do Museu do Índio.

Serviço de Atividades Culturais

Supervisiona as visitas escolares e do público em geral. Elabora produtos especiais para empréstimo. Coordena a distribuição de material informativo e de divulgação. Desenvolve atividades educativas. Promove atividades e eventos culturais.

Coordenação Técnico Científica

Responsável por projetos de preservação e proteção do patrimônio cultural indígena, de estudos e de divulgação científica. Promove atividades culturais e científicas. Padroniza as referências documentais nos bancos de dados e demais veículos de divulgação institucional. Elabora instrumentos de pesquisa e consulta, tais como tesauros, inventários, catálogos, repertórios temáticos. Coordena parcerias e acordos de cooperação. Acompanhar as equipes de pesquisadores, consultores e bolsistas.

Coordenação de Divulgação Científica

Promove pesquisas em Etnologia Indígena, Indigenismo, Etnohistória, Antropologia, Linguística e outras disciplinas relacionadas às áreas de atuação do Museu do Índio. Divulga atividades culturais e científicas que valorizam as culturas indígenas. Coordena o programa de publicações de livros, catálogos e materiais de divulgação da área técnica. Subsidia acordos de cooperação técnica com os povos indígenas e suas organizações.

Comunicação Social

Produz e edita jornais e demais publicações de cunho informativo. Gerencia conteúdos virtuais. Divulga as atividades do museu junto às mídias e ao setor turístico. Difunde ações de pesquisa e documentação sobre grupos indígenas, mostrando as diferentes formas de expressão e saberes desses povos. Realiza intercâmbio com instituições congêneres.

Projetos e pesquisas

Índio e Arte

Com foco na salvaguarda do patrimônio cultural indígena, o programa propõe ações de proteção à cultura material, tendo como uma de suas principais iniciativas a valorização do artesão – tanto em sua comunidade de origem, quando nos centros de divulgação – e da venda de seus produtos.
Saiba mais – indioearte.museudoindio.gov.br

Programa de Documentação de Línguas e Culturas Indígenas/ PROGDOC

A iniciativa visa incentivar os povos indígenas a documentar a sua própria cultura por meio da promoção de oficinas de trabalho e concessão de bolsa de pesquisa. Essa ação já alcança 105 aldeias de norte a sul do Brasil com documentação de aspectos específicos de 39 culturas e línguas beneficiando uma população de 27 mil índios. Este programa está dividido em dois principais projetos: PRODOCLIN – Projeto de Documentação de Línguas Indígenas e o PRODOCULT- Projeto de Documentação de Culturas Indígenas.
Saiba mais – progdoc.museudoindio.gov.br

Projeto de Documentação de Culturas Indígenas/ PRODOCULT

O projeto de desenvolvido em parceria com os povos indígenas, pesquisa saberes tradicionais, mitos, rituais, dimensões simbólicas e estéticas, expressões linguísticas e modos de fazer associados a aspectos específicos de cada cultura.

Etnias contempladas: Asurini do Xingu, Baniwa, Guarani-Mbya, Kalapalo, Kaxuyana, Kayapó, Kuikuro, Maxakali, Nambiquara, Paresi, Rikbaktsa, Ticuna, Tiriyó, Xavante, Wayana-Aparai

Projeto de Documentação de Línguas Indígenas/ PRODOCLIN

O Projeto visa preservar materiais existentes em acervos particulares e em instituições públicas e privadas e a documentar línguas ameaçadas.
Etnias contempladas: Apiaká, Desano, Ikpeng, Kanoê, Karajá, Kaiabi, KĨSÊDJÊ, Maxakali, Ninam, Paresi, Rikbaktsa, Shawãdawa, Yawanawa.

PRODOCERV:

Além do acervo que adquiriu ao longo de seus 58 anos de existência, o Museu do Índio recebeu de pesquisadores vinte coleções que reúnem 26.244 documentos audiovisuais, cartográficos, textuais e/ou etnográficos coletados desde a década de 1940 até o final do século XX. Todo o material é tratado e disponibilizado para os povos indígenas.

PRODOCSON:

"O Trabalho da Memória Através Dos Cantos" é um projeto-piloto de registro e documentação dos corpora acústico-musicais de povos ameríndios no Brasil. É desenvolvido junto às etnias Tikmũ'ũn/Maxakali (MT), Enawene Nawe (MT), Baniwa (AM), Krahô (TO) e Mbyá-Guarani (RS). O projeto é realizado nas Terras Indígenas dessas populações, bem como, no Museu do Índio(RJ), utilizando três eixos de trabalho: a documentação do patrimônio imaterial, a troca de conhecimento entre povos vizinhos e a capacitação jovens das aldeias na utilização de ferramentas audiovisuais, gráficas e arquivísticas.

Conhecer para Valorizar:

O convênio "Povos Indígenas: Conhecer para Valorizar" foi firmado entre o MI e a Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro com o objetivo de promover, através de encontros, a capacitação de professores da rede estadual de ensino. O acordo inclui, ainda, a apresentação do Museu do Índio como um espaço não só de visitação mas, também, de pesquisa sobre os povos indígenas no Brasil. Clique aqui e assista alguns vídeos produzidos no âmbito desse projeto.


Índio no Museu

Programa baseado na parceria direta com os povos indígenas, realizado por meio de projetos de exposições temporárias apresentadas no Museu do Índio.

Visitação: de terça a sexta-feira, das 9h às 17h 30min; sábado, domingo e feriado, das 13h às 17h. Entrada gratuita.
Rua das Palmeiras, 55. Botafogo - Rio de Janeiro/RJ - Brasil. CEP 22.270-070. Tel.: (21) 3214.8700

© Direitos reservados Museu do Índio - FUNAI